Notícia

CDL se reúne com entidades para discutir o reajuste no IPTU

  • 06 de fevereiro de 2018 - 20:36
Foto: Foto: Daniel Machado

 

Na última segunda-feira,05, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Palmas (CDL) reuniu outras 11 entidades do segmento empresarial na sede do Conselho Regional de Contabilidade do Tocantins (CRC-TO) para tratar do impacto que o aumento do IPTU na Capital, trará tanto para a categoria quanto para a população em geral.

 

 

Segundo o Presidente da CDL Palmas, Silvan Portilho, o aumento do imposto desfavorece não só os lojistas, mas também toda a população palmense. “A nossa preocupação é que esse aumento vai dar uma freada no crescimento do comércio de Palmas, uma vez que o aumento também acaba sendo repassado ao consumidor” ressaltou.

 

 

Um novo encontro foi definido para o dia 7 de fevereiro, próxima quarta-feira, às 15 horas, na sede da CDL, no qual uma nota oficial conjunta das entidades com o posicionamento sobre a alta do tributo será emitida e um requerimento será enviado a Prefeitura de Palmas solicitando uma reunião.

 

 

No encontro desta segunda-feira estiveram presentes os dirigentes do Conselho Regional de Contabilidade do Tocantins (CRC-TO), Ordem dos Advogados do Brasil no Tocantins (OAB-TO), Câmara de Dirigentes Lojistas de Palmas (CDL), Associação Comercial e Industrial de Palmas (Acipa), Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU), Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas do Tocantins (Sescap-TO), Associação dos Comerciantes de Material de Construção do Tocantins (Acomaq-TO) , Conselho Regional de Imóveis (Creci), Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículo (Sincodiv), Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA), Associação das Empresas de Loteamento e Desenvolvimento Urbano (Aelo) e Federação do Comércio do Tocantins (Fecomércio-TO).