Posicionamento da CDL Palmas acerca da prorrogação do decreto N° 2003 de 03/03/2021

  • 17 de março de 2021 - 10:00



A Prefeitura de Palmas prorrogou na noite de ontem o decreto de fechamento do comércio por mais uma semana (até o dia 23 de março de 2021). A CDL de Palmas, representante da classe lojista da Capital, manifesta profunda indignação com a maneira que tal ato foi tomado. 

 

O Poder Público Municipal não deu nenhuma sinalização de que iria prorrogar ou não o decreto durante todo o dia do prazo final do decreto, deixando que os empresários se preparassem para abrir seus estabelecimentos, pois não houve diálogo nenhum. Repudiamos a maneira que este decreto foi feito, publicado em um horário tarde da noite, sem dar chance para as empresas se prepararem. 

 

O mínimo que todos os cidadãos palmenses que empregam e aqueles que dependem das atividades comerciais esperam é a sensibilidade por parte do município, para que quando for tomar alguma medida, avisar com antecedência para que todos possam ter a mínima organização em relação ao que têm que fazer. Mostramos a indignação com esta falta de diálogo, que mostra falta de planejamento por parte do município e falta de estratégia por parte da gestão. 

 

Além disso, a falta de diálogo com as entidades de classe é vista com extrema preocupação. A CDL Palmas enviou um ofício à Prefeitura com propostas para abertura responsável, se propondo a auxiliar nestas medidas, e ainda não obtivemos nenhum tipo de resposta, se quer para auxiliar os nossos empresários. Ressaltamos ainda que, conforme os dados dos boletins epidemiológicos publicados pela Prefeitura,  não houve redução dos casos confirmados nestes dias de fechamento, pelo contrário, a média diária de casos subiu nestes dias.