Comércio de Palmas teve prejuízo de mais de 45% nas vendas de Dia das Mães

  • 12 de maio de 2020 - 15:30



O Dia das Mães é a segunda melhor data do ano para o varejo, no entanto, confirmando as expectativas do comércio de Palmas, as vendas em 2020 tiveram uma queda significativa. De acordo com os dados da CDL Palmas, em comparação ao mesmo período do ano passado, o decréscimo nas vendas foi de 45,9%.
 
Com as empresas dos serviços não essenciais fechadas por força do decreto municipal que assim determina como medida de combate a disseminação do novo coronavírus, o faturamento das empresas vem caindo drasticamente. Apesar de muitas empresas tentarem reverter o quadro oferecendo meios alternativos e digitais para o atendimento, não foi suficiente para equilibrar as vendas no Dia das Mães. 
 
“Infelizmente, caso não haja medidas necessárias para o restabelecimento das empresas por parte do Poder Público, visando o equilíbrio entre a saúde pública e a saúde financeira dos estabelecimentos, as nossas perspectivas são de que a cada semana o quadro se agrave e as vendas caiam, gerando desemprego e até mesmo fechamento de empresas”, finaliza o presidente da CDL Palmas, Silvan Portilho.